Carregando...

Chapa ‘Novos Sonhos’ propõe gestão que defenda os princípios de uma Universidade Pública, gratuita e de qualidade

Aldenize Xavier e Solange Ximenes concorrem aos cargos de reitora e vice-reitora da Ufopa — Foto: Tracy Costa/g1

Aldenize Xavier e Solange Ximenes concorrem aos cargos de reitora e vice-reitora da Ufopa — Foto: Tracy Costa/g1

O g1 iniciou na terça-feira (23) a rodada de entrevistas com os candidatos e candidatas à reitoria da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) para o quadriênio 2022-2026. A ordem foi definida por sorteio em conjunto com a TV Tapajós.

  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp
  • Compartilhe esta notícia no Telegram

A terceira e última candidata é a Professora Dra. Aldenize Xavier, da chapa ‘Novos Sonhos’,, que tem como candidata a vice-reitoria a Professora Dra. Solange Ximenes.

As propostas da chapa 2 para o quadriênio 2022-2026 são centradas na defesa dos princípios de uma universidade pública, gratuita e de qualidade.

“Eu estou preparada para assumir a universidade entendendo os desafios que ela tem, entendendo as potencialidades da nossa universidade nesta região oeste do Pará”, disse Aldenize Xavier.

  • Confira o currículo da candidata Aldenize Xavier
  • Confira o currículo da candidata Solange Ximenes

Propostas por temas

Assim como a ordem das entrevistas, os temas/perguntas foram definidos por sorteios: infraestrutura, orçamento e gestão, expansão da universidade, ensino, pesquisa e extensão, além de uma pergunta formulada pela comunidade acadêmica.

Infraestrutura

Questionada sobre as estratégias para fazer a universidade avançar na questão estrutural em Santarém e cidades vizinhas, Aldenize Xavier disse que a criação do Comitê Gestor de Obras foi uma estratégia criada pela atual gestão da universidade que permite que desde a fase de planejamento da obra, a fase de licitação e fase de fiscalização aconteça o gerenciamento correto dos recursos investidos na infraestrutura da instituição.

"Esse gerenciamento acontece de maneira integrada entre as equipes não faltando, portanto, fôlego orçamentário e o fluxo de pagamentos para que as obras pudessem acontecer no ritmo necessário. Para a próxima gestão teremos a verticalização do campus Rondon, a construção de um galpão de laboratórios para os cursos de engenharia, e o campus de Monte Alegre", contou Aldenize.

Orçamento e gestão

Questionada sobre como otimizar custos, despesas e garantir os incentivos necessários aos acadêmicos e fazer a universidade avançar ainda mais, mesmo com o corte de orçamento por parte do governo federal para as universidades públicas, a candidata disse que é preciso buscar formas da Ufopa continuar fazendo investimentos de forma eficiente.

"Uma análise rigorosa dos nossos contratos também nos permite avaliar de que forma a universidade pode economizar, nós implantamos então um setor que faz o gerenciamento dos contratos e hoje a universidade possui um investimento muito mais eficiente dos seus recursos, mesmo ele tendo sido reduzido ao longo dos anos, mas para que nós possamos avançar do ponto de vista de pesquisar estratégicas vai ser fundamental institucionalizar o centro de captação de recursos", disse Aldenize.

Para Aldenize, institucionalizar o Centro de Captação de Recursos será fundamental na busca pela excelência acadêmica. A candidata também contou que os investimentos feitos na gestão atual, proporcionou um folego orçamentário para instituição, permitindo direcionar os recursos mesmo com reduções e limitações.

Expansão da Universidade

A Ufopa tem atualmente 9.341 alunos, e está também em outras cidades além de Santarém. Está nas propostas da Chapa "Novos Sonhos" uma análise para implementação de novos campis da Ufopa em outros municípios?

De acordo com Aldenize Xavier, o formato de campi atual da instituição não é o modelo que as candidatas estão propondo na plataforma de propostas. A candidata à reitoria contou que a ideia proposta junto com os diretores dos campis é implantar é o modelo de Polo.

"Esses polos permitem que nós possamos levar uma variedade de recursos para os municípios e essa variedade de cursos vai permitir com que mais formação pode chegar naquele município e nos ajudar na captação de recursos específicos para aquela ação. A nossa área de abrangência é de 9 municípios. Hoje nós estamos em nove então ainda temos muitos municípios para levar a universidade, para levar os nossos cursos e fazer com que de fato o compromisso institucional de fazer educação superior na região seja cumprida de maneira efetiva pela universidade", disse.

Ensino, pesquisa e extensão

Existem cursos com muita procura e pouca demanda, como é o caso do curso de Direito. A candidata destacou que uma estratégia para atender a demanda em relação aos cursos é buscar parcerias, como o Forma Pará, do Governo do Estado.

"Estamos numa estratégia de expansão da nossa universidade, levando em consideração a possibilidade de prospecção e parceria externas e o curso de direito é um curso que está dentro destas estratégias para que nós possamos levar para os campos fora da sede da nacionalidade através de parceria com o Forma Pará que é uma parceria do Governo do Pará e prefeituras da região e permite que nós possamos levar os cursos que já existem dentro da instituição no formato de rodízio dentro dos municípios", disse a candidata.

Aldenize também destacou a implantação do curso de Engenharia Sanitária e ambiental para Rurópolis o curso de agronomia em breve a Ufopa vai receber o curso de Turismo.

Pergunta da comunidade acadêmica

Em relação a continuidade dos projetos, a candidata pretende dar continuidade aos projetos da gestão atual? Manoel Fernandes.

Aldenize contou que a experiência que teve como vice-reitora possibilitou que a candidata conhecesse os anseios e gargalos da instituição.

A candidata destacou a implantação do Restaurante Universitário e das ações desenvolvidas na pandemia pelo barco-hospital Abaré.

"É importante mantermos esses projetos de conexão com a Ufopa e a nossa comunidade, e essa implementação que nós buscamos também através da nossa rede com a nossa sociedade e o setor produtivo vai atender as demandas da nossa comunidade e fazer com que os projetos a partir de agora também tenham esse salto de qualidade que a nossa universidade e a nossa região tanto precisam", disse Aldenize.

Considerações e mensagem

Nas considerações finais, Aldenize disse que tem estudado a universidade e isso aliado às experiências vividas na instituição como vice-reitora, faz com que se sinta preparada para assumir a gestão da Ufopa.

"Nossa universidade teve agora um crescimento de 180% na sua infraestrutura física e vamos transformar esse investimento em infraestrutura acadêmica, em resultados em pesquisa, ensino e expansão e também em atendimento a nossa comunidade. A nossa comunidade vai ter oportunidade de fazer suas escolha ao seu candidato, então peço seu voto: Chapa 2 Chapa "Novos Sonhos" Aldenize com Solange e a nossa universidade vai continuar cada vez mais fortalecida e avançando como temos tido esse avanço nos últimos anos", pontuou.

Ordem das entrevistas

O sorteio realizado na presença de representantes dos candidatos definiu a ordem das entrevistas:

Chapa “Ufopa para Todos” - 23 de novembro

  • Candidato a Reitor: Edilan de Sant’Ana Quaresma
  • Candidata a Vice-Reitora: Carla Ramos

Chapa “Evolução: Ação Ufopa” - 24 de novembro

  • Candidato a Reitor: Jarsen Luís Castro Guimarães
  • Candidata a Vice-Reitora: Flávia Garcez da Silva

Chapa “Novos Sonhos” - 25 de novembro

  • Candidata a Reitora: Aldenize Ruela Xavier
  • Candidata a Vice-Reitora: Solange Helena Ximenes Rocha

VÍDEOS: mais vistos do g1 Santarém e região

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*