Carregando...

Polícia Civil não confirma participação de jovem que teria fugido de moto após assalto em Belterra

Ação criminosa aconteceu na noite de sábado (16) — Foto: Câmeras de segurança

Ação criminosa aconteceu na noite de sábado (16) — Foto: Câmeras de segurança

A Polícia Civil continua as investigações sobre o caso dos adolescentes apreendidos após roubarem um carro, manterem o dono do veículo refém e realizarem assalto em um posto de combustível de Belterra, no oeste do Pará.

  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp
  • Compartilhe esta notícia no Telegram

Nesta terça (19), o delegado de Polícia Civil, Wiliam Richer, falou em entrevista ao g1 e TV Tapajós que não foi confirmada a participação de um quinto elemento que seria um jovem de 19 anos, que teria fugido em uma moto com armas e dinheiro.

“Mas também a Polícia Civil não descarta. As investigações estão em andamento”, contou o delegado.

Ainda segundo o delegado, os quatro adolescentes confessaram o ato infracional análogo ao crime de roubo. Com o grupo a polícia apreendeu o dinheiro roubado em um posto de combustível, além de um revólver calibre 38 utilizado na ação.

  • VÍDEO: criminosos são recebidos a tiros ao anunciar assalto em posto de combustível em Belterra
  • Motorista que desapareceu após assalto é encontrado em Belterra; 4 adolescentes foram apreendidos
  • Adolescentes envolvidos em assaltos a postos de combustíveis e roubo de carro são internados na Fasepa, em Santarém

O delegado contou ainda que a apreensão dos adolescentes só foi possível ser realizada na manhã de domingo (17), depois que o motorista que estava sob o poder do grupo, foi liberado.

“Eles nos relataram que eles tentaram voltar para onde o carro estava, porém o carro já tinha sido recolhido e levado para a delegacia de Polícia Civil de Belterra, momento que eles largaram a vítima e saíram para tentar retornar para Santarém. A Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima do local onde os adolescentes estariam e fizeram a apreensão deles”, completou o delegado Wiliam.

Transferidos

Os quatro adolescentes apreendidos foram apresentados ao Ministério Público (MPPA) na segunda (18) onde foi decidido pela internação do grupo. Eles foram transferidos para a Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa).

Relembre

Quatro adolescentes e um jovem de 19 anos teriam roubado um veículo após solicitar uma corrida por um aplicativo de transporte. O destino seria o bairro Santo André, mas ao entrar no carro o grupo rendeu o motorista e o manteve refém até a manhã de domingo (17).

Durante a noite de sábado (16) o grupo realizou assaltos em postos de combustíveis de Belterra. Em uma das abordagens os adolescentes foram recebidos a tiros por um policial militar da reserva que estava no local.

Ainda na noite de sábado, o grupo foi perseguido por policiais do 35º BPM. Após entrar, por engano, em um ramal que dá acesso à uma propriedade privada, o grupo resolveu abandonar o veículo e fugir pelas matas.

O proprietário do carro foi levado junto com os adolescentes para servir como "proteção".

Somente na manhã de domingo (17) que os adolescentes libertaram o dono do veículo que pediu ajuda a moradores para chegar à delegacia de Polícia Civil de Belterra. Os adolescentes foram localizados e apreendidos logo em seguida em um estabelecimento comercial.

Criminosos são recebidos a tiros em tentativa de assalto em Belterra

Criminosos são recebidos a tiros em tentativa de assalto em Belterra

VÍDEOS: mais vistos do g1 Santarém e região

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*