Carregando...

Foragido de presídio do Maranhão é preso pela Dise em Rio Claro quatro anos após a fuga

Dise de Rio Claro — Foto: Dise/Divulgação

Dise de Rio Claro — Foto: Dise/Divulgação

Agentes da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) de Rio Claro (SP) capturaram, na manhã desta terça-feira (8), um homem que fugiu do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís (MA), em 2017.

Pedro Cesar Pereira Paz, conhecido como “PC do Maranhão”, tem, ao menos, três mandados de prisão pelos crimes de homicídio, roubo e porte de arma, nas cidades de Timon (PI) e São Luís (MA) e ficará à disposição da Justiça.

Paz apresentou um documento tirado legalmente em Goiás, mas com dados falsos, e foi reconhecido após análise das impressões digitais.

Segundo a polícia de Rio Claro, a investigação durou meses e contou com a colaboração de órgãos policiais de diversos estados, entre eles Goiás, Maranhão, Piauí e Amapá.

Além de Paz, um comparsa dele, que também era procurado no Maranhão, foi preso, no final de 2020.

Fuga

Penitenciária de Pedrinhas, em São Luís — Foto: Divulgação/CNJ

Penitenciária de Pedrinhas, em São Luís — Foto: Divulgação/CNJ

Pedro Cesar Pereira Paz foi um dos 36 detentos que fugiram Complexo Penitenciário de Pedrinhas em 21 de maio de 2017. Destes, cinco morreram e 15 foram recapturados logo depois ação.

Um grupo armado com fuzis explodiu parte do muro do Centro de Detenção Provisório (CDP) e atirou contra os agentes penitenciários para que os presos de duas celas do Pavilhão Gama pudessem fugir.

O ataque tinha como objetivo o resgate de sete internos ligados a uma quadrilha interestadual de assaltantes de banco, segundo informou a Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic).

Veja mais notícias da região no G1 São Carlos e Araraquara.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*