Carregando...

Mulher é morta na frente da filha durante assalto na Zona Norte de SP

Uma mulher foi vítima de latrocínio (roubou seguido de morte) na noite de terça-feira (31) na Zona Norte de São Paulo. Ela estava com a filha adolescente e uma funcionária.

Janaína Paiva, de 45 anos, vendia churrasquinho em um veículo em frente a ponto de ônibus no Jardim Damasceno, de segunda a sábado, há 6 anos.

Ela foi abordada por dois homens em uma moto quando voltava para casa e estava guardando o veículo que usava para trabalhar, por volta das 23h.

De acordo com o relato de testemunhas, um dos bandidos ficou agressivo com a vítima, após ela entregar seus pertences, pois a quantia de dinheiro que ela tinha era pouco.

Janaína não reagiu e mesmo após entregar todo seu dinheiro e celular, o criminoso atirou cinco vezes. A vítima morreu no local. Ela deixou duas filhas e dois netos.

Imagens da câmera de segurança de uma casa vizinha mostra o momento em que os criminosos param a moto onde Janaína guardava o carro. Segundos depois, é possível ouvir os cinco tiros. Em seguida, um dos criminosos dá a volta, pega o comparsa e os dois fogem.

O caso foi registrado no 72ºDP, da Vila Penteado, e será investigado pelo 74ºDP, da Parada de Taipas.

O número de latrocínios na cidade de São Paulo aumentou 17% nos primeiros sete meses deste ano. De janeiro a julho de 2020, foram registrados 28 casos. Já no mesmo período deste ano foram 33 casos.

Já na Grande São Paulo, exceto a capital paulista, de janeiro a julho de 2020 foram 16 casos contra 25 crimes no mesmo período deste ano, uma alta de 56%.

VÍDEOS: Tudo sobre São Paulo e a região metropolitana

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar