Carregando...

Secretaria estadual de Saúde do Rio suspende cirurgias eletivas por 30 dias

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro informou, nesta sexta-feira (14), que suspendeu as cirurgias eletivas em todo o estado pelos próximos 30 dias. A suspensão ocorreu após deliberação com os 92 municípios do estado, diante do avanço dos casos da Covid-19. A medida ocorre também por conta do alto número de profissionais de saúde infectados pela doença.

Segundo o Secretário de Saúde do Rio, Alexandre Chieppe, a suspensão é em caráter excepcional e pode ser revista antes dos 30 dias caso haja melhoras no cenário epidemiológico.

“Com o acometimento de profissionais de saúde e o aumento do número de pacientes internados, deliberamos a suspensão das cirurgias eletivas no estado, para um período de até 30 dias, que poderá ser revisto em um período anterior”, disse Chieppe.

Segundo Chieppe, a medida visa proteger as pessoas que se internariam para cirurgias que podem ser postergadas. “Esperamos que esse quadro passe rapidamente para que a gente possa rever essa medida”, disse.

Segundo a SES, o percentual de profissionais de saúde afastados em decorrência da Covid-19 é de até 20% nas unidades do estado. A pasta ainda informou que “está trabalhando para diminuir o impacto do afastamento de profissionais de saúde no atendimento à população”, e uma das medidas foi a suspensão excepcional das cirurgias eletivas.

Nas últimas semanas, o Rio de Janeiro registrou um alto número de casos de coronavírus na maioria dos municípios do estado. Somente na capital fluminense, pelo menos 12 mil funcionários de hospitais municipais tiveram que ser afastados por terem contraído a doença entre dezembro e janeiro.

(Com informações de Lucas Janone, da CNN)


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*