Carregando...

'Tremeu o prédio inteiro', diz morador de edifício atingido por explosão em Jundiaí

Explosão em apartamento se espalha em andar de prédio e deixa feridos em Jundiaí — Foto: Reprodução/ Tv Tem

Explosão em apartamento se espalha em andar de prédio e deixa feridos em Jundiaí — Foto: Reprodução/ Tv Tem

Um dos moradores do prédio que foi atingido por uma explosão na manhã desta terça-feira (9), em Jundiaí (SP), contou, em entrevista à Tv Tem, as lembranças do desespero das famílias quando o prédio precisou ser evacuado.

A explosão ocorreu em um apartamento no primeiro andar e se espalhou pelo prédio localizado em um condomínio do bairro Cidade Jardim 2, segundo a Defesa Civil. O Corpo de Bombeiros informou que nove pessoas foram socorridas, sendo duas com ferimentos graves.

“Tremeu o prédio inteiro, aí eu olhei para o lado e minha filha já veio chorando, desesperada, chorando. A única reação que eu tive foi pegar no braço dela e sair correndo. A hora que eu cheguei à sala, a porta estava caída, um monte de coisa e vidro no chão. Eu não pensei em nada, só peguei ela e saí", conta o programador Carlos Alves.

Explosão atinge prédio em condomínio de Jundiaí (SP) — Foto: Arquivo Pessoal

Explosão atinge prédio em condomínio de Jundiaí (SP) — Foto: Arquivo Pessoal

A suspeita, de acordo com os bombeiros, é que uma moradora tenha usado um produto de limpeza inflamável no sofá. Quando ela ligou o fogão, ocorreu uma explosão. O fogo se espalhou pelo primeiro andar.

O major do Corpo de Bombeiros de Jundiaí, Alan Muniz, informou que as equipes trabalharam para que o fogo não se alastrasse para outros prédios.

"O grande trabalho foi a remoção das outras pessoas, dos outros moradores, e também vários animais, vários pets também foram as vidas salvas nesse trabalho do Corpo de Bombeiros", explica.

Explosão em apartamento deixa feridos em Jundiaí

Explosão em apartamento deixa feridos em Jundiaí

O prédio foi interditado pela Defesa Civil e as causas do incêndio serão investigadas, segundo o coordenador da Defesa Civil de Jundiaí, João Ozório Gimenez.

“O maior comprometimento, no entanto, não foi a parte estrutural, foi a parte elétrica e hidráulica, e acessibilidade, porque no pavimento onde houve a explosão, as portas dos elevadores foram totalmente danificadas, comprometidas", conta.

VÍDEOS: assista às reportagens da Tv Tem

200 vídeos

Veja mais notícias da região no g1 Sorocaba e Jundiaí


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*