Carregando...

Falta de local para realização pode determinar cancelamento da Expoagro, em Guaxupé, MG

Falta de local deve resultar no cancelamento da Expoagro, em Guaxupé

Falta de local deve resultar no cancelamento da Expoagro, em Guaxupé

A Expoagro, uma das feiras mais tradicionais da região, pode não acontecer. Segundo o Sindicato Rural de Guaxupé (MG), falta local para a realização do evento. A informação foi confirmada pela organização do evento.

Nas redes sociais, a organização da Expoagro vem divulgando desde novembro do ano passado a data da festa, de 1º a 10 de julho deste ano. Até alguns grandes nomes do sertanejo aparecem como atrações confirmadas, como Jorge e Mateus, Zé Neto e Cristiano e Maiara e Maraísa.

A última edição da Expoagro aconteceu em 2019. Nos dois anos seguintes, a festa não pôde ser realizada por causa da pandemia. Agora em 2022, havia a expectativa para o retorno do evento. Porém, mesmo com algumas atrações já anunciadas, a festa não deverá ser realizada.

Por telefone, o presidente do Sindicato Rural que organiza a festa informou que o motivo para esse possível cancelamento é a falta de um local adequado.

Local onde Expoagro era realizada passa por obras em Guaxupé — Foto: Reprodução EPTV

Local onde Expoagro era realizada passa por obras em Guaxupé — Foto: Reprodução EPTV

A festa era feita no Parque de Exposições, que tem cerca de 60 mil metros quadrados. A área é do município. No local, a prefeitura deve construir um pronto-socorro e uma policlínica, a Secretaria de Obras, incluindo uma usina de asfalto e um conjunto de prédios residenciais do Programa "Casa Verde e Amarela". No local já é possível ver algumas obras.

A gerente de um hotel, inaugurado em novembro do ano passado, afirma que havia a expectativa de receber muitos hóspedes durante o evento, que chegava a reunir milhares de pessoas.

"O comércio, restaurantes e casas noturnas, os shows, traziam pessoas do Brasil inteiro para a cidade, então era uma expectativa bem grande que a gente estava fomentando ao redor dessa data que infelizmente agora desmarcou", disse a gerente de hotel Andreia Gonçalves de Oliveira.

A não realização da festa afeta vários outros setores, como uma empresa especializada na fabricação de botas. Depois de 2 anos de vendas ruins por causa da pandemia, o empresário aposta no retorno de festas agropecuárias, como a Expoagro, para a retomada do setor.

"Nós ficamos 2 anos praticamente sem nada, o nosso segmento é ligado diretamente às festas agropecuárias, todas as festas voltadas para o agronegócio e para nós era uma expectativa que nós tínhamos da realização e a não realização traz esses efeitos negativos para nós", disse o empresário José Aparecido Oliveira.

VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas

200 vídeos

Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*