Carregando...

'Dei nome de Vitória', diz enfermeira que que foi a primeira a pegar bebê abandonada na porta de hospital

Bebê foi abandonada em hospital no interior do Tocantins — Foto: Divulgação

Bebê foi abandonada em hospital no interior do Tocantins — Foto: Divulgação

A bebê abandonada na porta do Hospital de Pequeno Porte de Ponte Alta do Tocantins, região do Jalapão, na madrugada desta segunda-feira (7), está sendo chamada de Vitória. O nome foi escolhido pela enfermeira Michelle Tavares Gomes, a primeira a pegar a criança no colo: "Só de ela estar viva, já foi gratificante".

Michelle era a responsável pelo plantão, na madrugada em que a menina foi encontrada na frente da unidade. Ela relatou que os profissionais chegaram a ouvir um "chorinho", mas pensaram que era um gato que sempre fica na unidade.

"Foi encontrada pelo guarda. Já tinha umas duas horas que ele estava escutando um chorinho, só que a gente tem um gatinho e a gente achava que era um gato. Lá próximo tem uma caixa, então achava que o gato estava mexendo nessa caixa. Porém, ao levantar, que ele foi verificar, essa criança estava ao lado de um banco enrolada em alguns lençóis. Aparentemente, o parto tinha sido há mais ou menos uma hora".

Segundo ela, Vitória nasceu com 3,150 quilos e 49 centímetros. Assim que ela foi achada, profissionais de saúde começaram a realizar os procedimentos para garantir que ela ficasse bem.

"Eu dei o nome pra ela de Vitória, por toda a situação, só de ela estar viva foi muito gratificante. Muitas mães cometem aborto. Às vezes a população julga, mas a gente não sabe a circunstância que levou essa mulher a deixar a criança no hospital. E a gente se apegou muito a criança pela situação, tinha uma técnica de enfermagem que já não desgrudava dela".

A bebê foi encaminhada para o Hospital Regional de Porto Nacional, onde está passando por uma série de exames, que não são realizados em Ponte Alta.

Assim que receber alta, a criança deve ser acolhida por uma família temporária, até que haja uma decisão judicial encaminhando a bebê para a fila de adoção.

A Polícia Civil informou que a delegacia de Ponte do Tocantins foi comunicada sobre o possível abandono de recém-nascido no município.

“Preliminarmente, considerando a situação na qual o bebê foi achado, a hipótese mais provável é a de que o parto tenha ocorrido fora de ambiente hospitalar. O cobertor que envolvia o bebê foi recolhido e será submetido a perícia”, diz nota.

A polícia afirmou ainda que estão sendo realizadas diligências para identificar a mãe da recém-nascida, bem como quem a teria abandonado e as razões para isso. O Ministério Público foi comunicado do caso e qualquer pessoa que tenha informações que ajudem a localizar a mãe da criança pode entrar em contato com a delegacia.

Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*