Carregando...

Funcionários se esconderam para fugir de ataque a tiros em posto de saúde; Enfermeira baleada passa por cirurgia

Idoso entra em uma USB de Santa Maria e atira em uma enfermeira

Idoso entra em uma USB de Santa Maria e atira em uma enfermeira

Profissionais de saúde e moradores que estavam dentro da Unidade Básica de Saúde (UBS) de Santa Maria do Tocantins durante um ataque a tiros precisaram se abrigar para fugir dos disparos. Conforme a polícia, eles correram para escapar das dezenas de tiros. Uma enfermeira de 51 anos acabou sendo baleada, sofreu um ferimento gravíssimo na mão e precisou passar por cirurgia.

O crime aconteceu nesta quarta-feira (24) e o suspeito foi preso. As investigações apontam que o atirador, um homem de 62 anos, tinha como alvo um médico que trabalha na unidade.

  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp
  • Compartilhe esta notícia no Telegram

Segundo o delegado plantonista Bernardo José Rocha, o idoso tinha várias armas, incluindo um instrumento que dispara flecha. Ele atirou várias vezes dentro da UBS. Veja o vídeo acima

"Ele queria matar o médico, mas não conseguiu. Quando ele começou a efetuar os disparos todos os funcionários e também os populares que ali estavam se abrigaram em salas. O indivíduo acabou por balear uma enfermeira com uma espingarda calibre 12, atingindo-a na mão, resultando em ferimentos graves", contou o delegado.

Após ser socorrida, a mulher passou por um procedimento cirúrgico ortopédico no Hospital Regional de Pedro Afonso e, por causa da gravidade dos ferimentos, foi transferida para um hospital de Araguaína. Ela sofreu uma lesão arterial e aguarda parecer médico de um cirurgião vascular.

A Polícia Militar informou que o atirador "estava transtornado e aparentemente sob efeito de bebida alcoólica". Ao ser abordado ele chegou a efetuar disparos de armas de fogo em direção a uma área de mata.

Armas encontradas com suspeito — Foto: PM/Divulgação

Armas encontradas com suspeito — Foto: PM/Divulgação

Com o suspeito foram encontradas uma espingarda calibre 12, um revólver calibre 38 e mais de 100 munições dos dois calibres. Algumas estavam intactas e outras deflagradas. "Ele também estava com uma 'besta', que é um instrumento utilizado para atirar flechas e também três flechas com pontas de aço", contou o delegado.

A PM informou que no veículo que no carro dele foram localizados remédios de uso controlado e um litro de cachaça. O atirador foi levado para a delegacia de Pedro Afonso, onde foi autuado em flagrante por dupla tentativa de homicídio qualificado, disparo de arma de fogo, ameaça e desacato.

O suspeito, que não tinha passagens pela polícia, foi encaminhado para o presídio de Guaraí.

Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

200 vídeos

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*