Carregando...

Funcionários de empresa de ônibus em Uberlândia começam semana com paralisação

Parte dos funcionários da Autotrans não trabalharam nesta segunda por conta de paralisação em Uberlândia— Foto: Arcênio Corrêa/G1

Parte dos funcionários da Autotrans não trabalharam nesta segunda por conta de paralisação em Uberlândia — Foto: Arcênio Corrêa/G1

Funcionários da Autotrans, uma das empresas que presta serviço de transporte público em Uberlândia, paralisaram as atividades nesta segunda-feira (11). Segundo o sindicato, o motivo é atraso nos pagamentos.

A empresa e o sindicato dos transportes se posicionaram. A Secretaria de Trânsito e Transporte disse que foi surpreendida pela situação e que a paralisação causou uma redução de aproximadamente 50% na circulação dos ônibus da empresa durante o pico da manhã, por volta das 7h (veja mais abaixo).

No início da manhã, apenas 38 ônibus saíram para as ruas da cidade, sendo que a Autotrans conta com 87 veículos. Entre os bairros atendidos estão Shopping Park, Gávea, Santa Luzia e Tibery.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de Uberlândia (Sinttrurb), Márcio Dúlio de Oliveira, disse que pagamentos estão em falta, inclusive tíquete e até repasse do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

"Enquanto o pagamento não for realizado, não vamos voltar ao trabalho. O sindicato já ajuizou processos contra a empresa questionando o não pagamento de feriados, salário família, falta de concessão de férias, não pagamento das dobras das férias quando acumula dois períodos e não regularidade do FGTS do trabalhadores", falou.

Ele também questionou a situação da empresa que, mesmo diante da pandemia da Covid-19, vem recebendo aporte da Prefeitura. Contou também que, entre as três empresas que prestam serviço para Uberlândia, a Autotrans é uma das que atende grande parte do município.

"Em termos de arrecadação, é o maior lote operacional da cidade. Só no Bairro Shopping Park, por exemplo, são cerca de 17 linhas. A Prefeitura dá aporte para empresa para que o pagamento seja feito em dia. Mas a empresa, não está honrando compromisso com funcionários e sociedade, pois população está sendo prejudicada", lamentou.

Posicionamentos

Para a TV Integração, por meio de nota, Autotrans lamentou o ocorrido e informou que os colaboradores foram notificados na sexta-feira (8) do imprevisto com pagamento, mas que o dinheiro dos funcionários estariam na conta nesta segunda.

Disse também que o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Triângulo Mineiro (Sindett) e empresas de transporte urbano de Uberlândia, juntos, trabalham para o bom funcionamento do transporte coletivo na cidade e que o "comunicado reforça o compromisso e a transparência da empresa com seus colaboradores e com a população uberlandense".

A Prefeitura disse que Secretaria de Trânsito e Transporte foi surpreendida pela paralisação parcial dos serviços, que não foi informada previamente e já está em contato com a empresa para que o atendimento seja normalizado imediatamente.

A Secretaria também informou que está tomando as medidas administrativas cabíveis e previstas no contrato de concessão dos serviços.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*