Carregando...

Quatro ônibus clandestinos são apreendidos em fiscalização na BR-050 em Uberlândia

Ônibus apreendidos durante fiscalização da ANTT, em Uberlândia — Foto: TV Integração/Reprodução

Ônibus apreendidos durante fiscalização da ANTT, em Uberlândia — Foto: TV Integração/Reprodução

Quatro ônibus foram apreendidos na BR-050, em Uberlândia, durante fiscalização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) realizada nesta quinta-feira (18). A abordagem aos veículos ocorreu próximo à praça de pedágio.

De acordo com a ANTT, um dos ônibus chamou a atenção dos fiscais após passar pelo pedágio, pois estava com a tampa do motor aberta e a porta de um dos bagageiros entreaberta. Na abordagem foi constatado que o motorista reserva estava dormindo no compartimento de bagagem.

Segundo o supervisor de fiscalização da agência, Reginaldo Romero, todos os veículos apreendidos apresentam irregularidades como problemas de documentação e itens de segurança.

“Eles não possuem registro junto à ANTT e, por isso, não têm autorização para fazer esse tipo de viagem, ou seja, interestadual. Todos os veículos também apresentavam problemas na questão de segurança, para-brisa trincado, extintor de incêndio vencido e estepes em más condições de uso”, afirmou o supervisor.

Três dos quatro ônibus transportavam 74 passageiros. Um tinha saído de Remanso (BA) com destino a São Paulo (SP). O segundo partiu de Ribeirão Preto (SP) para Itacarambi (MG) e o outro saiu de São Paulo com destino a Piripiri (PI). A informação da origem e o destino do quarto veículo não foi informada.

Os passageiros foram levados até o Terminal Rodoviário de Uberlândia, onde devem ser embarcados em empresas regulares até o destino. Os custos com as passagens serão pagos pelas empresas clandestinas.

“O infrator tem que dar prosseguimento à viagem dos usuários e tem que comprovar isso perante a ANTT, além de comprovar os custos nas questões de pátio para liberação do veículo, o que só ocorre após prazo mínimo de 72 horas”, concluiu Reginaldo Romero.

Juntas, as multas aplicadas para as empresas podem chegar a R$ 40 mil. A TV Integração não conseguiu contatou com as transportadoras.

VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas

50 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar