Carregando...

Black Friday: maratona de lives atrai público por descontos entre produtos mais desejados

Felipe Becker cria conteúdo sobre tecnologia. Ele trocou uma carreira estável em uma empresa que fabrica aviões pelo sonho e atualmente tem 1,5 milhão de seguidores — Foto: Reprodução/ Instagram

Felipe Becker cria conteúdo sobre tecnologia. Ele trocou uma carreira estável em uma empresa que fabrica aviões pelo sonho e atualmente tem 1,5 milhão de seguidores — Foto: Reprodução/ Instagram

A Black Friday marca um período de aumento nas buscas online pelos produtos mais desejados. Com muitas opções em jogo, os influenciadores de tecnologia ganham destaque como "sommeliers" de gadgets em um cardápio com opções para todos os bolsos.

Morador de São José dos Campos (SP), Felipe Becker abandonou uma carreira estável na Embraer pelo sonho de viver dos vídeos de tecnologia. Atualmente com 1,5 milhão de seguidores no YouTube, ele tem no período que antecede a Black Friday um preparo para uma verdadeira maratona de conteúdos.

"Pode chegar a dez lives em uma semana. Uma de manhã e uma de noite", conta.

LEIA TAMBÉM:

  • Dia D: veja dicas para aproveitar a data sem cair em furadas
  • O que está mais caro em 2021 – e o que está mais barato
  • Tênis, perfume, fralda, roupas; veja os produtos mais pesquisados
  • Black Friday: de onde vem esse nome e outras 9 curiosidades sobre a data

"Live foi uma coisa que eu comecei a fazer porque eu achava que fazia sentido conversar direto com as pessoas. Entender o que as pessoas queriam ver, ajudar elas a pesquisar o preço e junto com isso a gente vai conversando sobre os produtos. Então, conforme vai rolando a live, a gente também vai falando, dando dica, comparando produtos", explica.

Os dois principais produtos pedidos pelo público nas lives dele neste ano são celulares e TVs. Em seguida, o ranking diversifica, com caixas de som, fones de ouvido, itens para casa inteligente, que vão de lâmpadas a falantes para controlar assistentes virtuais.

GUIA DE COMPRAS:

  • Buscando celular? Veja modelos intermediários na faixa de R$ 2 mil
  • Smart TVs 4K:veja seleção e o que levar em conta na compra
  • TV mais barata? Entenda como escolher entre os modelos mais simples
  • Vida mais prática na cozinha:saiba como escolher a sua Airfryer

Junto com a maratona de transmissões ao vivo, também vem o aumento da audiência. Se na semana que antecede o evento o número de pessoas que acompanham em tempo real fica entre 600 a 1 mil, no dia da Black Friday ele já chegou a ter 15 mil espectadores simultâneos e com parte interagindo pelo chat, pedindo ofertas dos produtos desejados.

Para garantir que uma oferta seja boa a interação com o público é fundamental para construir uma planilha, onde ele anota o nome do produto e o link da oferta, "caçado" com a ajuda do público durante as lives - a planilha fica disponível depois da transmissão para consulta.

"Como a gente faz essas lives, mas a maioria delas não são patrocinadas, eu tenho essa liberdade de entrar em vários sites e olhar todos que eu quiser para ajudar o público a encontrar o melhor preço mesmo", disse Becker.

Everton Vianna tem um canal sobre tecnologia no YouTube com 400 mil seguidores — Foto: Reprodução/ Instagram

Everton Vianna tem um canal sobre tecnologia no YouTube com 400 mil seguidores — Foto: Reprodução/ Instagram

Lives patrocinadas

Na cidade vizinha, em Jacareí (SP), Everton Vianna também é criador de conteúdo sobre tecnologia e tem um canal com 404 mil inscritos. Neste ano, em vez de fazer as lives no próprio canal, ele vai comandar as transmissões em dois canais de marcas que patrocinaram a participação dele e que já tem a venda integrada com a live em plataformas próprias.

"A ideia não é ser o vendedor, mas ser o assistente para que o público faça a compra mais assertiva, já conhecendo o produto. Por exemplo: a pessoa pergunta sobre celular bom para gravar vídeo e editar. Então já sei que precisa ser um aparelho com bom processador, além de uma boa câmera", conta Everton, citando o item mais buscado pelos seguidores do canal dele neste ano.

"A faixa de preço mais buscada é entre R$ 1 mil e R$ 2 mil. O pessoal entende que abaixo desse valor mínimo o aparelho pode ser muito básico e acima disso já encarece demais. Nesses valores  é possível encontrar smartphones com um bom equilíbrio nos quesitos como câmera e bateria".

O youtuber conta que a data está entre as que mais geram audiência e participação do público. 

"Ao longo do ano a gente percebe que as pessoas se preparam para esta data com muita antecedência. Tecnologia tem muitos lançamentos durante o ano e às vezes o produto chega na Black Friday já não sendo o mais recente, mas as pessoas já vão guardando dinheiro e se preparando pro momento", disse.

Veja mais notícias do Vale do Paraíba e região bragantina

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*