Carregando...

Inquérito para investigar morte de motorista da Tusmil é prorrogado pela segunda vez em Juiz de Fora; caso completa 2 meses

Ônibus desceu de ré, atingiu e matou motorista de ônibus na garagem da Tusmil, em Juiz de Fora, foto de arquivo— Foto: Polícia Militar/Divulgação

Ônibus desceu de ré, atingiu e matou motorista de ônibus na garagem da Tusmil, em Juiz de Fora, foto de arquivo — Foto: Polícia Militar/Divulgação

A Polícia Civil pediu a 2ª prorrogação do prazo para conclusão do inquérito que investiga a morte do motorista Francisco Venâncio, ocorrida no dia 4 de junho na garagem da Tusmil, em Juiz de Fora. A informação foi exibida no MG2 desta quinta-feira (4).

O g1entrou em contato com a assessoria da corporação para saber a nova data, mas não obteve retorno até a última atualização desta matéria. O primeiro adiamento ocorreu no último mês e tinha prazo para acabar nesta semana.

Em nota, a Polícia Civil explicou que o laudo pericial que analisa a causa do acidente e as condições do veículo envolvido não foi concluído. O delegado Rogério Franco também informou que o condutor do ônibus foi ouvido, assim como outros envolvidos e testemunhas.

"Também foi feita a solicitação de dilação de prazo à Justiça e as investigações prosseguem", complementou a nota.

À TV Integração, a Tusmil "reafirmou que não houve falha mecânica no ônibus envolvido na morte do motorista e que sempre prestou apoio ao funcionário que estava no veículo".

Leia também:

  • Inquérito para investigar morte de motorista atropelado na garagem da Tusmil é prorrogado em Juiz de Fora
  • Laudo encomendado pela Tusmil aponta que não houve falha técnica em ônibus que matou motorista em Juiz de Fora
  • Motorista contesta laudo de perícia encomendada pela Tusmil sobre morte de funcionário em Juiz de Fora
  • VÍDEOS: usuários falam dos problemas recorrentes no transporte público de Juiz de Fora

Prorrogado pela 2ª vez inquérito que investiga morte de motorista da Tusmil em Juiz de Fora

Prorrogado pela 2ª vez inquérito que investiga morte de motorista da Tusmil em Juiz de Fora

Morte do trabalhador

O motorista Francisco Venâncio, de 62 anos, morreu atropelado por um ônibus no dia 4 de junho. Segundo informações da Polícia Militar (PM), quando a equipe chegou ao local, no Bairro São Pedro, uma médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) já havia constatado o óbito da vítima.

Entenda o acidente:

  • Ônibus urbanos voltam a circular após protesto por morte de motorista atropelado na garagem da Tusmil em Juiz de Fora
  • Prefeita decreta luto oficial de 3 dias em Juiz de Fora por morte de motorista atropelado por ônibus na garagem da Tusmil
  • Motorista morre atropelado em garagem e funcionários do transporte público paralisam atividades em protesto em Juiz de Fora

O motorista responsável pelo veículo da Linha 707 – Cidade do Sol contou aos policiais que ao chegar à garagem da empresa após o expediente passou pela portaria, subiu a rampa de acesso e ficou estacionado no pátio.

Em dado momento, por suspeita de falha no freio, o coletivo desceu a rampa de ré e atingiu a vítima, que estava parada em frente à guarita de entrada da empresa. O veículo também bateu em outro ônibus que chegava na garagem e na motocicleta de um outro funcionário.

O dilema do transporte público

Manisfestação de trabalhadores do transporte público em Juiz de Fora, foto de arquivo— Foto: Nayara de Paula/g1

Manisfestação de trabalhadores do transporte público em Juiz de Fora, foto de arquivo — Foto: Nayara de Paula/g1

Desde 2020, o transporte público de Juiz de Foraparalisou diversas vezes no município. Trabalhadores questionam a falta de condições de trabalho e usuários enfrentam problemas, acidentes e falhas mecânicas nos ônibus. Do outro lado, as empresas reivindicam reequilíbrio financeiro, crescente após a pandemia de Covid-19.

Para debater sobre o assunto, um Grupo de Trabalho foi criado pela Prefeitura em busca de soluções em 2021. No mesmo ano, o Executivo informou que iria subsidiar o setor e que o valor da passagem seria mantido em R$ 3,75. Fato que ocorreu novamente em 2022, conforme mostrado pelog1.

O imbróglio do setor do transporte público foi parar na Justiça após diversas notificações da Administração para os consórcios. Na ocasião, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) pediu que a Prefeitura refizesse todo o cálculo financeiro desde 2019. Como resposta, a Auto Nossa Senhora Aparecida Ltda (Ansal) divulgou um comunicado de alteração de linhas.

Durante o período, a garagem da antiga empresa Viação Goretti Irmãos Ltda (GIL) foi arrematada em um leilão para pagamento de dívidas trabalhistas. Na época, a Justiça autorizou bloqueios financeiros para pagamentos de processos.

Para intensificar debates, novos membros do Conselho Municipal de Transporte e Trânsito tomaram posse. O intuito do grupo é garantir a participação popular no planejamento e operação do sistema de transporte público e trânsito no município. A Prefeitura também chegou a cancelar o contrato com a empresa Tusmil, fato que foi revertido na Justiça.

CRISE NO TRANSPORTE COLETIVO EM JUIZ DE FORA

  • Em 2020, transporte coletivo de Juiz de Fora já paralisou oito vezes

  • Empresas de transporte coletivo reivindicam reequilíbrio financeiro de contratos de concessão à Prefeitura de Juiz de Fora

  • Settra determina que Tusmil atenda todas as linhas da GIL em Juiz de Fora

  • Prefeitura vai subsidiar transporte público e valor da passagem será mantido em Juiz de Fora

  • Grupo de trabalho é criado em busca de soluções para o transporte público em Juiz de Fora

  • Projeto de Lei que prevê subsídio de R$ 11,9 milhões para o transporte público é aprovado na Câmara de Juiz de Fora

  • Justiça concede liminar para bloqueio de bens da GIL em Juiz de Fora

  • Justiça toma novas medidas sobre bens de sócios da GIL em Juiz de Fora

  • Trabalhadores do transporte coletivo protestam contra demissão de cobradores em Juiz de Fora

  • Passageiros de ônibus em Juiz de Fora precisam descer de coletivo após veículo não conseguir subir rua

  • Passageiros são retirados de ônibus após suspeita de perda de freio em Juiz de Fora; Prefeitura se manifestou em vídeo

  • VÍDEOS: acidente de ônibus deixa passageiros feridos na Avenida Presidente Itamar Franco, em Juiz de Fora

  • Após manifestação de trabalhadores do transporte coletivo, Prefeitura notifica empresas

  • Empresas de ônibus em Juiz de Fora apresentam defesa após notificações da Prefeitura

  • Justiça determina que Prefeitura de Juiz de Fora refaça cálculos de equilíbrio financeiro entre as empresas de ônibus desde 2016

  • Após Justiça determinar que Prefeitura de Juiz de Fora refizesse cálculos de equilíbrio financeiro entre as empresas de ônibus, Ansal divulga troca de linhas

  • Prefeitura confirma novo subsídio ao transporte público para manutenção do valor da passagem em 2022 em Juiz de Fora

  • Motorista morre atropelado em garagem e funcionários do transporte público paralisam atividades em protesto em Juiz de Fora

  • Prefeita decreta luto oficial de 3 dias em Juiz de Fora por morte de motorista atropelado por ônibus na garagem da Tusmil

  • Ônibus urbanos voltam a circular após protesto por morte de motorista atropelado na garagem da Tusmil em Juiz de Fora

VÍDEOS: veja tudo sobre a Zona da Mata e Campos das Vertentes

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar